O Fundador

Amadeu Dias nasce em Celavisa, concelho de Arganil, a 17 de junho de 1927.
De família humilde e apenas com a 4ª classe, aos quatorze anos já se encontra em Lisboa, em busca de melhor vida, indo trabalhar para a “Confeitaria Nacional”, a mais antiga e tradicional confeitaria de Lisboa.

De natureza inquieta e espírito irrequieto, foi em Lisboa que encontrou o palco e as condições para aplicar todas as suas capacidades dinâmicas e empreendedoras, vindo a tornar-se num empresário de renome na área da restauração.
Na década de 50/60 e inicio da de 70, encontramos Amadeu Dias a criar e explorar espaços emblemáticos e cosmopolitas desta cidade, como o “Noite e Dia”, as “Galerias Ritz” ou o “Monumental”.

É nesta fase da sua vida, fruto das viagens que faz e das múltiplas feiras internacionais que visita que, fervilhando de novas ideias e acolhendo outras vindas de fora, investe nesta área com projetos inovadores para a época.

Com a revolução de abril de 1974 praticamente todo o seu património e riqueza foi dissipado.

Mesmo tendo perdido quase tudo, com espírito combativo e de sacrifício, trabalho árduo e resiliência ultrapassou esses tempos difíceis e amargos, voltando a renascer, mas agora noutra atividade, nos ramos imobiliários e urbanísticos, atividade que nunca deixou de exercer até ao seu falecimento em 14 de março de 2013, aos 85 anos.

Com uma noção muito profunda das suas responsabilidades sociais enquanto Homem e Empresário e atribuindo grande valor à procura do Conhecimento, à Inovação e à descoberta da melhor maneira de cumprir a nossa Missão no Mundo, e já numa fase mais reflexiva da sua vida, decide em 2002 com abnegação e grande generosidade, proceder à criação de uma fundação com o seu nome.

Fundação esta com um papel ativo e interventivo na sociedade portuguesa, e regida pelos superiores interesses humanos e sociais, científicos, culturais e de solidariedade tão caros ao seu fundador.

 

 

 

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!